fbpx
Fato Histórico Resumo: O Que é História? Introdução ao Estudo de História

Fato Histórico Resumo: O Que é História? Introdução ao Estudo de História

O que dizem sobre o Fato Histórico? Bom, na verdade continuamos a fazer a mesma pergunta: o que é História?

É muito comum escutar as pessoas dizendo: “contra fatos não há argumentos”. Nós não concordamos com essa afirmação.

Neste artigo a nossa intenção foi demonstrar que o Fato Histórico depende das diversas interpretações que ele recebe no tempo e no espaço.

O Que é Fato Histórico?

O fato histórico é um acontecimento desencadeado no passado. Ele é irreversível, pois não pode ser modificado. O fato histórico é singular e reconhecido publicamente. Porém, o que muda são as interpretações a seu respeito. Os próprios historiadores interpretam o mesmo fato histórico de diferentes maneiras. Novas fontes históricas, novas tecnologias e mudanças culturais no tempo e no espaço modificam as interpretações sobre os fatos históricos.

Vídeo aula: Fatos Históricos | O Que é História? Resumo

O Que São Fatos Históricos?

O fato histórico é um assunto bem delicado, muito delicado mesmo. Você já deve ter escutado alguma vez na vida alguém dizer algo mais ou menos assim: “contra fatos não há argumentos”. 

Bem, nós aqui do Blog HistoriAção discordamos desse famoso e popular clichê repetido milhares de vezes em quase todo lugar.

Existem Múltiplas Interpretações Possíveis

Vamos explicar isso com mais detalhes. Para nós uma história tem várias interpretações possíveis. Mas para você entender essa parte precisamos antes definir o que é fato histórico.

O fato histórico é um dos objetos de estudo do historiador. O fato histórico é um acontecimento desencadeado no passado.

Ele é um processo irreversível, ou seja, uma vez realizado não pode ser alterado. Está aqui um exemplo de um fato histórico. Em 1945 os Estados Unidos lançaram duas bombas atômicas sobre as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki. Não há como reverter esse acontecimento e nem as suas consequências.

Ele realmente aconteceu, ninguém nega isso e esse é um processo irreversível, ou seja, não há como voltar atrás no tempo e no espaço para modificar esse acontecimento. Portanto, o fato histórico é único, singular, específico e todos reconhecem isso.

Preste atenção porque agora vem a parte mais importante. O que muda é a interpretação a respeito do fato histórico.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

A Interpretação do Fato Histórico Depende de Novas Fontes Históricas

Cada nova geração de historiadores faz novas perguntas para antigas fontes históricas. Isso acaba produzindo interpretações completamente diferentes e inovadoras a respeito de um mesmo fato histórico.

Deixa eu explicar apresentando outro exemplo. O fato histórico é a colonização do Brasil. Durante muito tempo os historiadores acreditaram que havia um monopólio exclusivo de Portugal sobre sua colônia na América.

Peço perdão pela redundância, pois monopólio significa exclusividade. Mas há pouco tempo atrás acreditava-se que o rei de Portugal possuía um controle total e absoluto do Brasil Colônia.

BANNER INSCRIÇÃO NO YOUTUBE 2

Acreditava-se que este era um controle político, econômico, religioso e cultural que atingia toda a população que vivia na colônia. Era como se o rei tivesse olhos e ouvidos espalhados por todos os lados, do litoral até os pontos mais distantes do sertão.

Atualmente, devido a utilização de novas fontes, sabe-se que esse monopólio era quebrado de inúmeras formas, tais como sonegação de impostos, pirataria e favorecimento pessoal dos próprios funcionários do rei (a famosa corrupção que a gente aqui no Brasil conhece muito bem).

Dessa maneira, o rei de Portugal, que estava do outro lado do oceano Atlântico, controlava somente a ponta do iceberg. E todo mundo sabe que a ponta do iceberg representa apenas 10% de seu tamanho real. Entendeu a diferença?

O fato histórico é o mesmo (a colonização do Brasil por Portugal). Todavia, as diferentes maneiras de se interpretar o fato histórico fazem com que os historiadores analisem a mesma situação de maneiras completamente diferentes.

Contra Fatos Não Há Argumentos?

Portanto, quando alguém lhe disser que “contra fatos não há argumentos”, diga a essa pessoa que isso é um grande equívoco e que o fato histórico depende da interpretação que lhe é dada.

Ângulos diferentes, diferentes pontos de vista desencadeados em diferentes momentos provocam interpretações completamente novas a respeito do mesmo fato histórico.

É por isso que não existe verdade única. Um dia acreditou-se que o planeta Terra era o centro do universo. Tempos depois provou-se que isso não era verdade.

A pouco tempo atrás dizia-se que comer muitos ovos fazia mal para a saúde. E, infelizmente, eu deixei de comer muitos ovos por causa disso.

Hoje sabemos que o ovo é uma importante e saudável fonte de proteína. O tempo passa e o que era verdade passa a não ser mais. O fato histórico é assim.

Ele depende de uma interpretação que possa ser sustentada com provas, com fontes históricas consistentes.

Portanto, contra fatos há argumentos, que precisam ser sustentados com fontes consistentes e confiáveis para sustentar o seu ponto de vista.

Portanto, contra fatos há argumentos, que precisam ser sustentados com fontes consistentes e confiáveis para sustentar o seu ponto de vista.

HistoriAção Banner de Inscrição YouTube

Mapas Mentais e Infográficos

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Já são mais de 98 mil inscritos no YouTube e 8.300.000 visualizações!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.